quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Cinco de Copas

Taroteca




O Cinco de Copas fala sobre perdas. Nesta carta, vemos a figura vestida de preto e coberta de sofrimento. Ele não consegue olhar o que contém ao redor. O Cinco de Copas se refere ao momento quando a dor da perda está no auge. O homem olha apenas para as taças a sua frente. Por hora, não consegue reconhecer as duas atrás. Mais tarde, quando a ferida estiver cicatrizada, estará apto para ver aquelas que faltam.
Nas leituras, é um alerta para a possibilidade de perda associada às emoções - mágoas, arrependimentos, recusas. Pode ser grande ou pequena. Pode ser tangível (dinheiro, posses, relacionamentos, trabalho), ou intangível (sonhos, oportunidades, esperanças, reputação). Se ainda não sente o que esta carta representa, use-a como um aviso para te ajudar a evitar a perda, ou pelo menos reduzi-la.
Você pode sentir-se desencorajado por esta carta, mas ela tem seu lado positivo. Toda perda abre novas possibilidades de crescimento porque todas iniciam mudanças. Perdas doem por causa da nossa resistência emocional a essas mudanças. Não importa o quanto aceitamos racionalmente que devemos deixar a correnteza nos levar, se essa vazão nos separa do que amamos, nosso sentimento diz: “Não!”.
Na história do “Zen Flesh, Zen Bones”, o mestre Hakuin é falsamente acusado de ser o pai de uma criança. Sua reputação no vilarejo é arruinada, mas ele aceita a perda e cuida da criança por um ano. Repentinamente, o pai real aparece, e ele de bom grado devolve a criança, aceitando a perda de novo. Nós não somos como os mestres Zen, não podemos dar vazão aos sentimentos de forma plácida, mas podemos aprender com essa história. Quanto mais nos esforçamos para nos agarrar ao que se foi, mais sofremos. 


Tradução: Learning Tarot
http://www.learntarot.com/




Quatro de Copas



Taroteca

Aqueles que gostam de esportes em rios, como rafting, sabem que há locais perigosos nos rios em que a água corre em moções circulares – os redemoinhos. Ao invés de seguir adiante, é necessário voltar de onde veio. Da mesma maneira, podemos ficar presos em redemoinhos emocionais. O Quatro de Copas representa tais períodos de auto-absorção.
Se você se encontra auto-absorvido, tende a deixar para trás tudo que não seja seus próprios interesses e desejos. Nesta carta, vemos um homem que não tem ciência da taça que lhe é oferecida. Ele despreza o presente porque está voltado para si mesmo. Nas leituras, o Quatro de Copas pode indicar que você está fechado em seu próprio mundo.
Em algumas situações, você deve se focar em si mesmo. Quando a vida está muito estressante, precisa devotar tempo e energia a si mesmo ou terá a impressão de estar sufocado. O Quatro de Copas pode representar um período positivo de auto-reflexão e renovação. Tire um tempo para sonhar, meditar e refletir, restaure seu equilíbrio emocional.
Esta carta pode ser, algumas vezes, um sinal de apatia. Você realmente não está tendo muito cuidado com nada. Sua vida parece banal e sem graça porque perdeu o interesse em atividades que costumavam te dar prazer. Não está motivado a fazer muito esforço em nenhuma direção. Em tais momentos, o Quatro de Copas pode mostrar que está preso emocionalmente. Precisa de algo para se focar, que empenhe a mente e o coração para que o caminho rio abaixo fique novamente nítido. Abra-se para o que se encontra ao seu redor. Em breve encontrará o caminho novamente. 

Tradução : Learning Tarot