sábado, 25 de outubro de 2008

Ser tarólogo não é fácil!




Nós tarólogos somos contactados por clientes para marcar uma consulta, sempre com muito urgência (precisa ser hoje!) e tomamos todas as medidas necessárias; marcamos na agenda a data mais próxima, eu particularmente , analiso as direções astrológicas e no dia, estamos, na hora combinada, à espera do cliente. Mas, passam 5, 10, 15 , 30 minutos e nada! Nenhum telefonema, nenhuma consideração.Uma falta de respeito e consideração enorme com seu semelhante!

O que nós tarólogos devemos fazer?

COISAS QUE O CONSULENTE PRECISA SABER:

1 - Tarólogo dorme. Pode parecer mentira, mas tarólogo precisa dormir como
qualquer outra pessoa. Já tive clientes que marcaram cedinho e não apareceram, acho que perderam a hora porque o sonho estava bom e pensaram : que se dane a consulta...

2- Tarólogo come. Inacreditável, não? Mas é verdade. Tarólogo também se
alimenta, e tem hora para isso.

3- Tarólogo pode ter família. Essa é a mais incrível de todas: mesmo sendo
tarólogo e ter disposição com seus clientes, o tarólogo precisa descansar no final de semana e precisa de um tempo com a família.

4- Pergunta: Nas situações acima o tarólogo atende?

5- Resposta: Sim. Pode atender, desde que seja pago por isso e avisado 24 horas antes da desistência da consulta, senão o tarólogo pode perder uma viagem gostosa no fim de semana, uma sexta-feira com o direito de dormir mais tarde e se divertir e o mais importante, se você não avisa que não vem, tira o lugar dos que desejam a consulta!

6-Tarólogo precisa de dinheiro. Por essa você não esperava, né? É
surpreendente,mas tarólogo também paga impostos, alimentação,
combustível,vestuário,etc. E uma coisa bizarra: os livros, o consultório e
as coisas que ele tem, não chegam até ele gratuitamente. Impressionante,
não?

7-Entendeu agora o motivo dele cobrar uma consulta? Ler, estudar é
trabalho. E trabalho sério. Pode parar de rir. Não é piada.

8-Quer milagre, tente uma macumba e deixe o tarólogo em paz. Diante desses
tópicos inconcebíveis a uma boa parte da população, algumas dicas para
tornar a vida do tarólogo mais suportável:

- O uso do celular: celular é ferramenta de trabalho. Por favor, ligue apenas
quando necessário. Fora do horário de trabalho, mesmo que você ainda não
tenha acreditado, o Tarólogo pode estar fazendo alguma daquelas coisas que você
pensou que ele não fazia como dormir, por exemplo.

- Antes da consulta: Por favor, marque hora, dia em que você realmente possa comparecer a consulta.

E a última, talvez a mais importante : Não faça aos outros aquilo que não quer que te façam!A vida te trata da mesma maneira como você trata os outros e se trata!

Essas dicas foram criadas pensando que alguém pode estar precisando de
um toque sutil sobre respeito e valorização do trabalho do Tarólogo!!

4 comentários:

Renato Gaudério disse...

Meus cumprimentos!

As dicas são bastante proveitosas...e realmente esse descompromisso acontece bastante. Além do tarô, dou aula de matemática e como já perdi aluno que cancelou em cima da hora.

Anita La Fey disse...

Vera, como sempre, vc foi ótima! hihihihi

Toque sutil? Sei... hahahaha

Bjos!!!

Anônimo disse...

adorei ai as dicas do tarologo, isso é bem verdade, sou tarologo e as pessas pensam k o tarologo é bruxo

Vera Chrystina disse...

Oi Anita e Anônimo,

Obrigada pelo carinho!
Ser tarólogo não é fácil!
Beijos nos dois!